quarta-feira, 10 de outubro de 2007

Quem sabe amanhã pense em algo
Mágico
Que faça resolver
A única questão:
O amor

Que sentimento estranho
Que traz tanta paz
Que de uma hora pra outra
Faz sentido

Que revira a cabeça
Quebra conceitos
Anda lado a lado com o pecado
Multiplicado

Que sentimento abusado
Tem vários tons
È independente
Ausente
Malvado

Vai –Vem
Quando convém
Quem o conhece sabe bem
Quem não o conhece?
Desmerece
Mas um dia ele chega na porta
Sem aviso, é claro.



3 comentários:

Liza Leal disse...

Huum! Essa fala do sentimento abusado...Tão familiar e forte!
E ai desse que se depara c/as faces do AMOR... Show! =*

Alexandre Spinelli disse...

De pé... aplausos, de pé...
Que talento, menina...

Na esquina do mundo... disse...

Adorei!!