domingo, 2 de setembro de 2007


Teus são os
Lábios vermelhos
São os meus
Labirintos sem saída.

Um comentário:

Alexandre Spinelli disse...

Este também é ótimo, eu já conhecia... tanto em tão poucas palavras...
Beijo