domingo, 2 de setembro de 2007

Amar um poeta é amar sonhos
É desenhar nas nuvens
esperar ansiosamente
o pranto da chuva.
Curtir outono
beber o inverno
brindar o sol do verão
e contar as flores da primavera
Viver intensamente
e morrer a cada espera
Amar um poeta é o mel mais doce
é o adocicar amargo
misturar os gostos
Amar um poeta é
ter estampado o céu no rosto!

4 comentários:

SONINHA PORTO disse...

maravilhoso!!!

Leeh disse...

amar uma poeta é se perder em sonhos e desejos. é um ter sem igual, de tudo, um mar de felicidades...
te amo como poeta, como homem e como amigo!
minha flor amada!
bjoooooooo

Alexandre Spinelli disse...

Giu, me desculpe...
Puta que pariu!!!
Vou correr para o espelho agora, para ver se vejo o céu estampado...
Que lindo!!!
Amar uma poeta, sim, é amar sonhos, mas é viver realidade, so que aquela que passa desapercebida da maioria... é viver poesia...
Beijo, menina poeta!

Liza Leal disse...

Amar um poeta tbm é coragem pra valer.É entender a dança no meio da chuva ainda que seja sob qualquer teto. É viajar de mãos dadas c/várias faces entrelaçadas.
Isso é o q acabo de pensar depois de deparar-me c/sua criação. rsrs =) Lindo!